O que é o Underground?

10:00

Nosso blog tem como principal assunto o universo musical independente na cidade de São Paulo. Mas, o que é realmente o underground?

O termo underground, que ao pé da letra significa subterrâneo, designa uma cultura que não está preocupada com as convenções sociais tradicionais. Formas de arte que prezam pela criatividade e livres dos modismos cultuados pela grande mídia podem ser considerados undeground. A cultura alternativa ou underground está relacionada com todas as formas de arte, tanto o teatro, música, literatura e artes plásticas, mas foi na música, especialmente no rock, que o termo ganhou mais notoriedade.

O rock também foi o responsável por criar as famosas “cenas alternativas” nos seus vários gêneros. As bandas independentes procuram fugir das imposições das grandes gravadoras e lançam e divulgam seus próprios trabalhos de outras maneiras. A utilização da internet é crucial no trabalho das atuais bandas independentes, com a web a divulgação de material e informações sobre shows passou a acontecer em tempo real,e assim possibilita uma maior velocidade e organização do trabalho dos artistas da cultura underground.

Apesar do universo underground ser o oposto do maisntream, ou seja, a mídia grande, com toda a estrutura das grandes gravadoras e grandes veículos divulgadores, vários artistas que começaram independentes ganharam reconhecimento fora de seu cenário de origem. Bandas grandes do pop rock nacional e que atualmente contam com o apoio de grandes gravadoras, como o NxZero e Fresno, são exemplos de artistas que migraram do underground para o maisntream, e atualmente têm seu trabalho reconhecido por muito mais pessoas do que na época em que viviam na cena independente. Porém isso não é uma regra geral, há artistas e bandas que, apesar do grande tempo de carreira, não se tornaram bandas vinculadas à grandes gravadoras. Dance of Days e Dead Fish são exemplos que possuem muitos anos de estrada e cuidam dos próprios trabalhos de forma independente ou contando com o apoio de gravadoras menores.

É certo que o underground possui diversas dificuldades, nessa cultura não existe grandiosidade ou muito incentivo financeiro. Entretanto, os artistas que fazem parte da cena alternativa procuram focar seu trabalho na criatividade e em suas convicções pessoais, sem uma preocupação maior com os desejos e preferências das grandes massas. E dessa forma o underground continua existindo como uma forma de cultura onde os artistas e apreciadores da arte em geral possam se expressar de maneira livre e sem uma preocupação exacerbada pela aceitação das massas.

2 comentários:

Feufa Maciel disse...

o anel de corujinha achei numa lojinha aqui de são vicente :)

pequena disse...

Flor vim aqui pra deixar um grande beijo e desejar Feliz Ano Novo pra vc com boas vibrações e muiras conquistas!

BJIM